Azul ganha 26 slots em Congonhas

Além da Azul, Avianca recebeu 16 slots em Congonhas.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) na distribuição de novos slots no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, cumpriu o que o mercado esperava: concedeu 26 slots para a Azul, que faz sua estreia no aeroporto, 16 para a Avianca, que chega a 40 slots, e nenhum para Gol e Tam, que continuam com 234 e 236 slots, respectivamente, ou 88% do total de CGH. As entrantes ficaram com 12%. A Avianca, tecnicamente, ganhou 17 slots, mas só poderá usar 16 deles.

A utilização dos novos slots será de 27 de outubro próximo a 29 de março de 2015. Os slots diários são provenientes do rearranjo da capacidade de pista para a aviação comercial somados a dois slots remanescentes do banco de slots (retirados de empresas que deixaram de operar no aeroporto). As empresas contempladas poderão pedir alterações dos seus horários de pousos e decolagens a qualquer tempo, desde que dentro da capacidade operacional do aeroporto.

Segundo a Anac, o objetivo das novas regras para utilização do Aeroporto de Congonhas é incentivar uma maior concorrência e, em consequência, menores preços ao consumidor, sem representar um aumento da capacidade do aeroporto, que permanece operando dentro das regras de segurança da aviação civil. A aviação geral já usa exclusivamente a pista auxiliar e também continuará sendo atendida na pista principal do aeroporto.

Os critérios para distribuição levou em conta a eficiência operacional nacional das companhias interessadas (por meio da checagem da pontualidade e regularidade nacional do mesmo período do ano passado), além da participação de mercado nacional e da participação de mercado regional de cada uma delas. Esses critérios continuam sendo avaliados para o próximo período, e em março a agência pode anunciar novas mudanças.

SLOTS EM CONGONHAS
GOL - Antes: 234 47%    Atual: 234 44%
TAM  - 236 48%   -  236 44%
AVIANCA - 24 5%  -  40 7%
AZUL - 0 0%  -  26 5%
TOTAIS:  494  -  536

Fonte: Panrotas

Nenhum comentário:

Postar um comentário