Viracopos é autorizado a receber substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial

A permissão concedida ao aeroporto pelo governo federal se deu devido à infraestrutura e ao controle existente no aeroporto 


O Terminal de Carga do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), foi autorizado pelo Ministério da Saúde a receber substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial, conforme divulgação da RDC 402/2020 e suas atualizações divulgadas no Diário Oficial da União no dia 29 de julho de 2020. 

Viracopos foi incluído na rede nacional de pontos de entrada e saída de substâncias das listas A1, A2, A3, B1, B2, C3, D1, F1, F2, F3 e F4, e de plantas sujeitas a controle especial, bem como dos medicamentos que as contenham, devido a Emergência de Saúde Pública causada pela COVID-19. A medida está prevista por um período de até seis meses.  

Desta forma, o Aeroporto também está autorizado a operar com importações e exportações das substâncias e medicamentos constantes da mesma Portaria, como Hemoderivados (Procedimento 2); Soros e vacinas (2A); Produtos biológicos derivados de fluídos ou tecidos de origem animal e alérgenos (2B); Produtos biológicos obtidos por procedimentos biotecnológicos, anticorpos monoclonais, medicamentos contendo microorganismos vivos, atenuados ou mortos e probióticos (2C); e Produtos sujeitos a controle especial constantes das Listas “C1”, “C2”, “C3”, “C4”, e “C5”. 

Dessa forma, empresas importadoras e exportadoras passam a ter mais alternativas para receber, enviar e dar mais agilidade ao acesso a produtos essenciais ao enfrentamento da pandemia de Covid-19.    

Listas de substâncias controladas  

As substâncias em questão fazem parte de listas estabelecidas pela Portaria 344/1998, da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS), vinculada ao Ministério da Saúde (MS). O documento, que é periodicamente atualizado, regulamenta o uso controlado de entorpecentes, psicotrópicos, imunossupressores e antirretrovirais, entre outros medicamentos. 

De caráter extraordinário e temporário, a medida está na Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 402/2020. 

3º Melhor TECA do Mundo 

 

No início deste ano, o Aeroporto Internacional de Viracopos foi eleito o 3º Melhor Aeroporto de Carga do Mundo (na categoria de até 400 mil toneladas/ano) na Air Cargo Excellence Awards 2020, premiação realizada pela Air Cargo World, que é a principal publicação do setor de carga mundial. 

 

A premiação é baseada na Pesquisa de Excelência em Carga Aérea, criada em 2005 pela Air Cargo World. Os prêmios são entregues anualmente às companhias aéreas e aeroportos de carga que alcançam as pontuações mais altas na pesquisa, com base em vários fatores de desempenho. 

 

O TECA (Terminal de Carga) tem figurado nos últimos anos no pódio da premiação. Em 2014, o Air Cargo Excellence Awards já havia premiado Viracopos como o segundo melhor da América Latina, além de ter reconhecido o terminal como o Melhor Aeroporto da América Latina no quesito Operação de Carga. Em 2015, Viracopos ficou com o título de Melhor Aeroporto de Carga da América Latina e, em 2016, ganhou como segundo Melhor Aeroporto de Carga do Mundo. Já em 2018, o TECA obteve a premiação máxima, sendo eleito o Melhor Aeroporto de Carga do Mundo na categoria até 400 mil toneladas/ano. 


CEIV Pharma
 


O Aeroporto Internacional de Viracopos conquistou em 2019 um certificado internacional que credenciou o terminal a se tornar um dos principais aeroportos da América Latina a importar e exportar produtos da indústria farmacêutica.  

 

Viracopos obteve a certificação global CEIV Pharma (Center of Excellence for Independent Validators in Pharmaceutical Logistics), emitida pela IATA, que tem por objetivo auxiliar as organizações e toda a cadeia de fornecimento de carga aérea a atingir a excelência na logística de produtos farmacêuticos.  

 

Com este certificado, Viracopos passou a ser reconhecido como operador global de cargas de produtos farmacêuticos, sendo acreditado internacionalmente como parte integrante de uma cadeia segura, evidenciando a reconhecida qualidade e confiabilidade de seus serviços para as empresas do ramo farmacêutico e favorecendo o crescimento de novos negócios neste setor para o aeroporto e, principalmente, para o Brasil. 

LATAM lança no aeroporto de Vitória atendimento remoto no check-in focado em prevenção contra a COVID-19

A LATAM Airlines Brasil implementou nesta semana, no Aeroporto de Vitória, o projeto especial denominado “Atendimento Remoto”, que traz um novo modelo de atendimento de check-in nos aeroportos. Capaz de proporcionar uma experiência sem contato para os clientes e funcionários, a iniciativa garante mais segurança e é uma aliada na prevenção contra a COVID-19. Com a implementação em Vitória, a nova forma de check-in começa a se expandir pelo Brasil e já chega ao terceiro aeroporto (já está disponível no Rio de Janeiro/Santos Dumont e em São Paulo/Congonhas desde o fim de junho, com índice de 95% de aprovação dos usuários).

O projeto reforça a campanha "Nova forma de voar” e foi desenvolvido pela companhia com o objetivo de implementar novas soluções para os clientes que aumentem sua tranquilidade quando forem viajar, com manutenção do atendimento com funcionários da empresa que, mesmo à distância, continuam a prestar todo o suporte no momento do check-in.

Essa iniciativa se soma às medidas que a LATAM já implementou desde o início da pandemia, para garantir a segurança de seus passageiros em toda a jornada de viagem, desde o aeroporto, passando pela cabine e chegando ao desembarque.

Crédito: Divulgação LATAM


Funcionamento do novo modelo de operação

O fluxo de atendimento no novo projeto é o mesmo que ocorre atualmente, sem nenhuma alteração. No entanto, o funcionário da companhia que atende os clientes no check-in não está no guichê presencialmente, realizando o processo de forma totalmente remota de qualquer cidade do Brasil, interagindo com os passageiros por meio de um sistema de videoconferência e oferecendo todo o apoio para que o processo seja efetuado normalmente.

O cliente aguarda na fila, respeitando o distanciamento, até ser direcionado para uma posição de atendimento. O processo acontece da seguinte forma:
· Passo 1 – Boas-vindas ao passageiro e confirmação dos dados de viagem e documentação, através do sistema de câmeras;
·Passo 2 – Verificação de segurança sobre presença de artigos perigosos/proibidos na bagagem;
· Passo 3 – Se houver necessidade do despacho de bagagem, o cliente posiciona a bagagem na balança/esteira;
· Passo 4 – O atendente remoto realiza a conferência do peso e tipo de bagagem, também com auxílio do sistema de câmeras;
· Passo 5 – O atendente remoto realiza a impressão da etiqueta de bagagem que contém as instruções no verso para correto manuseio;
· Passo 6 – O cliente etiqueta a bagagem;
· Passo 7 – O atendente orienta o passageiro a ativar o botão de acionamento da esteira para despacho da bagagem;
·Passo 8 – O cliente recebe o seu cartão de embarque diretamente pelo aplicativo LATAM (caso seja necessária a impressão de um novo cartão, o atendente remoto o imprime) e o atendimento se encerra.
“Com esta implementação em Vitória, começamos nossa expansão do novo projeto de atendimento remoto, totalmente focado na nossa nova forma de voar, garantindo segurança e tranquilidade aos passageiros e permitindo que possam viajar mais confiantes conosco na retomada das operações”, afirma Rafael Walker, diretor de aeroportos da LATAM Airlines Brasil. 
Crédito: Divulgação LATAM


Adesão dos clientes e expansão

Desde a implementação do projeto, no fim de junho, nos primeiros aeroportos, Rio de Janeiro/Santos Dumont e São Paulo/Congonhas, os clientes que tiveram a oportunidade de testar o novo modo de atendimento demonstraram alto índice de satisfação, atingindo 95%. O resultado motiva a companhia a continuar expandindo a iniciativa e a trabalhar em aprimoramentos contínuos.
Para os próximos meses, estima-se a expansão para mais 10 aeroportos brasileiros, que trabalharão de forma colaborativa. O prazo para instalação de todos os equipamentos necessários e preparo das equipes no novo modelo é de 15 a 20 dias.

Medidas de segurança já implementadas

A LATAM reforça que a implementação do novo projeto não interfere nas demais medidas de segurança e higiene em vigor desde março de 2020, com foco em assegurar o cuidado com as pessoas durante toda a crise da COVID-19. O atendimento nos balcões continua ativo e respeitando as regras de distanciamento social, assim como a opção de check-in pelo site ou app da companhia e os terminais de autoatendimento nos aeroportos.
Além disso, tanto as medidas nos aeroportos (filas transversais, alternadas e espaçadas nos balcões de check-in e distribuição de álcool gel) quanto às a bordo das aeronaves (uso obrigatório de máscaras, novos processos de limpeza e desinfecção profunda dos aviões, filtros que renovam o ar a bordo, além de novos protocolos de atendimento para promover a menor interação física possível com os passageiros) se mantêm normalmente nas operações da companhia. Clique aqui para conferir essas medidas adotadas pela LATAM, seguindo as melhores práticas mundiais de higiene e distanciamento social recomendadas por IATA e OMS.

Medidas de segurança Aeroporto de Vitória

Aeroportos do Sudeste do Brasil (ASeB) também se comprometeu desde o início da pandemia para garantir que o Aeroporto de Vitória fosse um ambiente seguro para quem precisasse viajar.
A concessionária disponibilizou avisos sonoros com as orientações da Anvisa sobre os procedimentos de segurança e alertas, fez a instalação de protetores de acrílico nos balcões de atendimento, implantou marcadores de fila para distanciamento mínimo, garantiu a disponibilização de álcool gel em diversos pontos no terminal, intensificou e triplicou a rotina de limpeza do terminal, além de ter assegurado que todos os funcionários utilizassem máscaras.

Viracopos instala câmera térmica para medir a temperatura de passageiros no embarque

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), instalou uma Câmera Térmica que mede a temperatura de todos os passageiros que embarcam em voos no terminal. A iniciativa é mais uma entre 35 ações realizadas nos últimos meses para elevar o nível de segurança nas viagens aéreas e evitar o contágio pela Covid 19.  


O painel de medição de temperatura implantado pela empresa integradora de sistemas Grupo Contsec é uma combinação de aplicações tradicionais baseadas no reconhecimento de faces e detecção de temperatura por infravermelho. A medição leva em torno de três a cinco segundos e é realizada em Viracopos quando os passageiros apresentam o bilhete de embarque.  
  
Para realizar a medição, o passageiro tem de ficar parado por alguns segundos com o rosto diante da câmera. Um aviso sonoro é emitido imediatamente pelo equipamento para sinalizar se a temperatura corporal da pessoa está normal ou se está elevada.  
  
No caso de a temperatura do passageiro ser constatada acima do normal, a concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, administradora do aeroporto, os agentes de segurança do aeroporto recomendam que o passageiro dirija-se imediatamente ao Posto Médico de Viracopos, que fica no próprio saguão. A concessionária também notifica a companhia aérea responsável pela aeronave para alertar sobre a situação daquele passageiro.     
   
Desinfecção especial  
  
Viracopos ampliou o processo desinfecção especial de todo o terminal de passageiros e de ônibus utilizados pelos passageiros no deslocamento até as aeronaves. A iniciativa visa minimizar a propagação da Covid 19 diante do cenário da retomada gradual de voos por parte das companhias aéreas.  
  
A desinfecção ocorre diariamente, sempre antes dos horários de pico operacional, e deve ocorrer pelo menos três vezes ao dia. O aeroporto já havia realizado duas desinfecções do terminal como teste, mas agora estas ações passam a ser regulares e constantes. Também serão desinfetados os carrinhos de bagagem.  
  
Nos meses de março, abril e maio, Viracopos já havia anunciado a ampliação e atualização de uma série de medidas de segurança no terminal de passageiros para reforçar o combate ao contágio pela Covid 19. Ações como ampla higienização, avisos sonoros, sinalização de distanciamento, instalação de acrílicos nos pontos de atendimento e desinfecção constante, já adotadas nos últimos meses, se somam a uma série de outras ações para o enfrentamento da crise global.  
  
Com esta nova ação de desinfecção especial, o protocolo rígido estabelecido no aeroporto contempla, até agora, 35 medidas que elevam o grau de segurança do aeroporto no sentido de promover um ambiente mais limpo e saudável a todos os clientes e colaboradores, além de ampliar as orientações e informações para toda comunidade aeroportuária.  
  
Foram instalados, por exemplo, pelo menos 130 suportes de álcool em gel nos terminais, estacionamentos e áreas administrativas e as sinalizações nos saguões e na praça de alimentação foram totalmente remodeladas, visando elevar o nível de orientação e conscientização. Desde o início de março, o aeroporto instituiu um Comitê de Gestão especialmente para gerenciar as questões relacionadas à Covid 19.   
  
Também foi implementada a higienização e desinfecção constante (a cada quatro horas) de diversas partes do aeroporto tais como escadas rolantes, cadeiras, elevadores, balcões, mesas, corrimãos, carrinhos de bagagem e demais aéreas de contato. Os assentos agora possuem espaçamento para proporcionar maior distanciamento entre os passageiros.  
  
Sempre seguindo as normas técnicas e orientações da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o aeroporto adotou ações e soluções em diversas frentes de atuação que compreendem as gestões de recursos humanos, comunicação, mídia aeroportuária, marketing, financeiro e administrativo, operacional, engenharia e meio ambiente, segurança, tecnologia da Informação, entre outros setores, envolvendo todas as áreas do complexo aeroportuário.  
  
Recuperação gradual  
  
A recuperação no setor de aviação apresenta tendência de crescimento gradual e lenta após uma queda brusca registrada a partir de março por causa da pandemia.  O aeroporto chegou a ter queda do número de voos de passageiros de 330 movimentos (pousos e decolagens) por dia, em média, para 34 por dia (em março) e 56 por dia (em abril).   

No mês de maio, houve pequeno crescimento para 72 pousos e decolagens por dia. Já em junho, houve nova elevação por parte das companhias aéreas, chegando a 84 pousos e decolagens por dia, em média. A previsão para julho é de que o movimento diário chegue a 130 pousos e decolagens por dia.   

LATAM lança campanha com tarifas promocionais para diversos destinos nacionais e internacionais

Menor valor, de R$ 91,62* (o trecho, incluindo taxas), é para voo entre Belo Horizonte e Rio de Janeiro/Santos Dumont; todas as tarifas promocionais ainda contemplam flexibilidade para remarcação e também podem ser adquiridas com pontos LATAM Pass


A LATAM Airlines Brasil acaba de lançar uma nova companha com preços promocionais para quem quer viajar nos próximos meses para destinos domésticos no Brasil e também internacionais. Os preços especiais estão disponíveis até as 23h59 de sexta-feira (31) e são válidos para classe econômica. Para destinos brasileiros, os voos podem ser realizados entre 5 de agosto e 16 de setembro e, para destinos internacionais, entre 1º de setembro e 31 de maio de 2021, de acordo com cada destino.

A menor tarifa encontrada na promoção é de R$ 91,62* (o trecho, incluindo taxas) ou 2.000 pontos LATAM Pass (mais taxas) para voo entre Belo Horizonte e Rio de Janeiro/Santos Dumont. Outra oportunidade é para voos partindo de Brasília com destino a Curitiba, por a partir de R$ 99,67* (o trecho, incluindo taxas) ou 4.800 pontos (mais taxas).

As ofertas ainda incluem voos partindo de São Paulo/Congonhas a partir de R$ 113,57* (o trecho, incluindo taxas) para destinos como Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre e Rio de Janeiro. Todos os voos contemplam a opção de aquisição das passagens com pontos LATAM Pass (mais taxas).

Nordeste

Para quem deseja viajar para o Nordeste brasileiro, é possível encontrar voos de Brasília para Recife, por a partir de R$ 144,67* (o trecho, incluindo taxas) ou 6.600 pontos (mais taxas). Partindo de São Paulo, há voos para João Pessoa, a partir de R$ 287,44* ou 5.300 pontos (mais taxas) e para Fortaleza, a partir de R$ 314,57* (o trecho, incluindo taxas) ou 7.300 pontos LATAM Pass (mais taxas).

Do Rio de Janeiro para Salvador, é possível encontrar tarifas por a partir de R$ 243,57* (o trecho, incluindo taxas) ou 5.600 pontos (mais taxas). Quem pretende ir de Aracajú a São Paulo também encontra tarifas promocionais a partir de R$ 281,74* (o trecho, incluindo taxas) ou 6.400 pontos (mais taxas).

Destinos Internacionais

As promoções da LATAM também contemplam viagens internacionais. É possível encontrar passagens aéreas de São Paulo para Buenos Aires, a partir de R$ 989,86* (ida e volta, com taxas inclusas) ou 24.400 pontos LATAM Pass (mais taxas). Há também voos para Miami, a partir de R$ 2.080,04* (ida e volta, incluindo taxas) ou por 63.200 pontos (mais taxas).

Importante ressaltar que todas as tarifas contemplam flexibilidade para remarcação, permitindo alterar a data do voo uma vez, sem multa ou diferença de tarifa (mantendo mesma origem e destino), sujeito à disponibilidade de cabine e à validade do bilhete. É possível também alterar o destino, mediante diferença de tarifa.

Todos os bilhetes podem ser adquiridos pelo site www.latam.com, lojas LATAM, LATAM Travel e agências de viagem. O valor pode ser parcelado em até 10 vezes* em qualquer cartão de crédito aceito pela companhia.

Confira abaixo algumas das tarifas promocionais da companhia e acesse latam.com para visualizar todas as promoções:


Brasil
Origem
Destino
Trecho (R$) com as taxas inclusas, a partir de*:
Pontos LATAM Pass (trecho) + taxas*
Belo Horizonte
Rio de Janeiro/Santos Dumont
R$ 91,62
2.000 + R$ 32,62
Brasília
Curitiba
R$ 99,67
4.800 + R$ 30,67
São Paulo/Congonhas
Belo Horizonte
R$ 113,57
2.000 + R$ 34,57
São Paulo/Congonhas
Rio de Janeiro
R$ 113,57
2.200 + R$ 34,57
São Paulo/Congonhas
Curitiba
R$ 113,57
2.500 + R$ 34,57
São Paulo/Congonhas
Porto Alegre
R$ 113,57
3.100 + R$ 34,57
Brasília
São Paulo/Congonhas
R$ 119,67
2.500 + R$ 30,67
São Paulo/Guarulhos
Foz do Iguaçu
R$ 131,44
4.600 + R$ 32,44
São Paulo/Congonhas
Vitória
R$ 133,57
2.000 + R$ 34,57
São Paulo/Guarulhos
Goiânia
R$ 136,44
2.700 + R$ 32,44
Brasília
Recife
R$ 144,67
6.600 + R$ 30,67
Rio de Janeiro
Salvador
R$ 243,57
5.600 + R$ 34,57
Aracaju
São Paulo/Guarulhos
R$ 281,74
6.400 + R$ 26,74
São Paulo/Guarulhos
João Pessoa
R$ 287,44
5.300 + R$ 32,44
São Paulo/Congonhas
Fortaleza
R$ 314,57
7.300 + R$ 34,57
Internacional
Origem
Destino
Ida e volta (R$) com as taxas inclusas, a partir de*:
Pontos LATAM Pass (ida e volta) + taxas*
São Paulo/Guarulhos
Buenos Aires
R$ 989,86
24.400 + R$ 497,66
São Paulo/Guarulhos
Miami
R$ 2.080,04
63.200 + R$ 272,97

*Válidos para voos operados pela LATAM Airlines Brasil (LATAM), em classe econômica, sujeitos à disponibilidade de assentos, regras e restrições específicas no perfil de cada tarifa. As ofertas são válidas para bilhetes emitidos entre as 12h do dia 29/07/2020 e as 23h59 do dia 31/07/2020.

Para voos nacionais, as viagens podem ser realizadas entre os dias 05/08/2020 e 16/09/2020. O valor promocional será aplicado para viagens onde a data de volta for, pelo menos, dois dias depois da ida, sendo o retorno no mesmo aeroporto da chegada. Resgates a partir de 2.000 pontos LATAM PASS, mais taxas a partir de R$ 26,74 para voar entre 05/08/2020 e 16/09/2020, válidos para o trecho de voos nacionais operados pela LATAM, por passageiro e para a cabine econômica.

Para voos internacionais, as viagens podem ser realizadas entre 01/09/2020 e 31/05/2021. Resgates a partir de 24.400 pontos LATAM PASS, mais taxas a partir de R$ 272,97 válidos para os destinos internacionais, para voar entre 01/09/2020 e 31/05/2021, por passageiro, para a cabine econômica. Os preços em dólar (US$) serão convertidos pelo câmbio do dia da compra e os preços divulgados em reais foram calculados pelo câmbio de R$ 5,35 de 20/07/2020, prevalecendo, contudo, o câmbio da data da compra.

Todos os voos sujeitos a disponibilidade de assentos e para emissão de passagens entre as 12h do dia 29/07/2020 e as 23h59 do dia 31/07/2020. Ofertas válidas para as categorias LATAM, Gold, Gold Plus do programa LATAM PASS Clientes, das categorias Platinum, Black e Black Signature contam com um desconto adicional de 10% se comparado as tarifas para as outras categorias. Tarifas sujeitas à disponibilidade no período da promoção. Mais informações estão disponíveis no site latam.com.

Parcelamento em até 10 vezes, sendo até a 4ª parcela sem juros e a partir da 5ª parcela com juros, parcela mínima de R$ 70, válido para todos os cartões de crédito aceitos pela LATAM, de pessoa física e emitidos no Brasil, considerando exclusivamente o valor de tarifa anunciada, não sendo possível o parcelamento da taxa de embarque e de eventual adicional de emissão, condição válida apenas para compras no site LATAM.

Flexibilidade na remarcação da sua passagem internacional e nacional: Você pode alterar a data do voo uma única vez, sem multa ou diferença de tarifa (mantendo mesma origem e destino), sujeito à disponibilidade da cabine e à validade do bilhete. Itinerários combinados com outras companhias aéreas ficam sujeitos às diferenças de tarifa aplicável. Você também pode alterar o destino pagando somente a diferença de tarifa. A flexibilidade se aplica a bilhetes adquiridos no Brasil até 31 de julho de 2020, com início da viagem entre 01 de março de 2020 e 31 de dezembro de 2020, o início da viagem pode ser adiado até 31 de dezembro de 2021, dependendo da disponibilidade de voos nos sistemas.

As informações integrais e detalhadas sobre as regras/restrições das tarifas anunciadas, descontos para crianças e pontuação no Programa LATAM PASS estão disponíveis para consulta no site www.latam.com.